quarta-feira, 9 de junho de 2010

Mais um pouco...

Quando Marcello fez 5 meses, precisava voltar a trabalhar. Oh dilema!!! O que fazer com o baby? Creche? Babá? Sair do trabalho? Eu estava decidida a colocá-lo numa creche, pois não conhecia nenhuma babá de confiança e sair do trabalho, a princípio não era uma hipótese, pelo menos não naquele momento. Então, lá fui eu atrás de creches para esta idade em Brasília. Gente!!! Nunca imaginei que era tão caro. Primeiramente, liguei nas creches mais conhecidas, com mais tradição em Brasília, como Canarinho, São Camilo, Candanguinho... Todas na faixa de R$ 2000,00, 1500,00, 1300,00.. Aí começei a ver as outras mais simples, que achei na internet mesmo.. Todas na faixa de R$ 1200,00, 1100,00, A MAIS BARATA que achei foi R$ 980,00. Achei um absurdo, pois nenhuma deles tem uma estrutura tão boa assim para cobrar este valor. Fora que ainda cobravam valores extras pelos adicionais, como por exemplo, natação, lutas etc. Mas fazer o que?! Não tinha o que fazer.. Começei a arrumar a documentação do Marcello para coloca-lo na Golfinho Dourado, bem próximo à minha casa e com a proposta pedagógica melhor na minha opinião, o melhor custo benefício. Ela era meio feinha, mas tinhas 5 crianças e duas tias. O meu maior medo era o meu filho chorar e ficar lá abandonado sem ninguém pra acudi-lo. O Marcello sempre foi chorão. Até os 6 meses ele chorava por tudo !!Depois foi melhorando.. hoje ele só chora quando esta com fome ou quando quer alguma coisa que a gente não dá.. Manha!!! Enfim, quando estava tudo decidido, em relação à creche, mudei de idéia e resolvi que ele ficaria com uma babá. Mas quem? Eu não conhecia ninguém e faltava pouco tempo pra voltar ao trabalho. Procurei, procurei e nada! Minha irmã me indicou uma ex-empregada dela, liguei, mas a mulher morava em Santo Antônio do Descoberto - GO,,, pense no preju da passagem e era longe demais da minha casa. Com certeza ela iria se atrasar, sei lá.. não gostei.. era um sábado, já começava a trabalhar na quarta e nada de babá. Resolvi ir à Feira de Goiania com uma amiga e ela levou uma amiga dela.. Conversa vai, conversa vem, comentei a história da babá e adivinha??? A amiga da minha amiga tinha uma pessoa de confiança pra indicar.. Ela cuidara da avó da dela e tinha referências sólidas como babá. Já liguei pra ela na mesma hora e marquei dela ir lá em casa no dia seguinte. Gostei dela a 1º vista. Bonita, ( não sei se isso era bom ou ruim, rs) limpa, falava direitinho, não tinha cara de "maltratada" sabe?! Tem casa babá\doméstica esquisita por aí.. Fechamos e ela começaria na segunda. Fiquei por esses 3 dias junto com ela, para o baby se acostumar e nos dias posteriores ela ficou com minha mãe junto. Afinal, precisávamos ver como ela cuidaria do Marcello. E foi aprovada por mim, pelo Fábio e pela minha mãe. 2 meses depois, ela já ficava sozinha com ela na minha casa.. E estamos com ela até hoje, sem problemas. Ela é muito carinhosa, brinca, cozinha direitinho, enfim, penso que meu filho está em boas mãos. PERFEITA não é! Penso que não exista babá\diarista\doméstica perfeita. Rs.. Pelo menos não como nós "patrões" gostaríamos que fossem.. Mas estou bem satisfeita...

O Marcello se desenvolveu tão rápido, que todos ficam achando que ele será umas daquelas crianças que não param sabe? Hiperativo... Já pesquisei muito sobre isso.. 5% das crianças são hiperativas e em sua maioria homens!! Mas acho que é muito cedo para diagnosticar alguma coisa né? Bom.. ele começou a se virar muito cedo, engatinhou com 5 meses, andou cm 8 meses e 10 dias e agora com 11 já corre, escala, sobre em tudo !! Dá um trabalho.. Temos que ficar atrás dele o tempo todo. Abre as gavetas da casa, tira tudo de dentro, espalha os cds pelo chão... e enquanto isso, os brinquedos lá, mofando sem uso! Gente, coisa mais inútil é brinquedo pra criança pequena viu? Gastamos um bom dinheirinho em brinquedos que ele nem usa... Parece que gosta mais das caixas, embalagens, garrafas pet, e vidros de shampoo... Fazer o que? Deve ser fase.. rsss..

Agora a menos e um mês pra festinha de 1 ano já bate palminha e dá tchauzinho ( a vovó Vera que ensinou). Mas ainda faz meio desengonçado.. está melhorando... Espero que na festinha dele ele não chore na hora do parabéns... por isso estamos sempre cantando a música pra ele já ir se familiarizando...

Ele já tem os 8 dentinhos da frente enormes, e na semana passada, descobri que estão nascendo os 4 dentes lá do fundo, 2 em cima e 2 em baixo, mas estão bem pequenos ainda, quase imperceptíveis.. Há umas semanas atrás Marcello não queria comer.. tava muito chato. Provavelmente foram os dentinhos tadinho.. e eu quase o obrigando a comer.. Como faz falta ele falar neste momento: "oh mãe, a senhora não tá percebendo que meu dente tá doendo e não dá pra comer??". Enfim.. agora já passou e ele voltou a comer como um leãozinho.. Mas ainda estou achando que ele está magrinho.. Faz tempo que eu não o peso, mas da última vez, não estava nem com 10 kg ainda.. O pai dele acha isso bom.. não quer um filho gordo. rsss..

Bom ... é isso, vou domir, pois já passa da meia noite e amanhã o dia é longooooo!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário